Com localização privilegiada no sudoeste Algarvio, Portimão é uma cidade com um importante legado histórico, aliado a uma beleza natural riquíssima, oferecendo cerca de 8km de praias de areia fina e um mar verde cristalino.

A história de Portimão remonta à Pré-história, havendo também vestígios de presença fenícia e cartaginesa, comprovando a importância da cidade para o intercâmbio comercial e cultural com o Mediterrâneo, o Atlântico e o Norte de África. A cidade regista também fortes influências romanas e árabes, afirmando-se como núcleo urbano no séc. XV e desenvolvendo-se como um dos grandes pólos da expansão Portuguesa a partir da segunda metade da época dos Descobrimentos. Mas é com o Marquês de Pombal que a então vila sofre um forte desenvolvimento, impulsionada pelas indústrias de frutos secos e conservas de peixe. Fruto deste desenvolvimento, é construído o cais na Zona Ribeirinha, apoio para a intensa atividade piscatória e infraestrutura de escoamento à crescente produção industrial. A vila é então elevada a cidade em 1924, começando a crescer em termos urbanos, e sendo hoje um importante polo com cerca de 40.000 habitantes. 

A escassos 16km de Portimão encontra-se Silves, uma cidade povoada de ruínas e tradição medieval.

O Castelo de Silves, uma das mais notáveis obras de arquitetura militar que os árabes deixaram entre nós, com mais de mil anos de existência, situa-se no ponto mais elevado da colina em que a cidade assenta. Entre os muitos pontos de interesse desta fortificação destaca-se, junto à entrada principal, uma escultura em bronze representativa do rei D. Sancho I, monarca que em 1189 conquistou pela primeira vez a cidade de Silves aos árabes, com o auxílio dos Cruzados.

Mas a riqueza cultural da região não se cinge a Portimão e Silves, cidades como Lagos e Sagres são lugares ricos em história prontos a serem descobertos e apreciados.

Muito marcado pela influência dos Descobrimentos, muitos dos monumentos respiram ainda o espírito aventureiro dos portugueses. No ponto mais ocidental da Europa, ergue-se a Fortaleza de Sagres, mandada construir nessa época pelo Infante D. Henrique. É o monumento mais visitado do Algarve e um dos mais visitados do país. Daqui, onde a terra acaba e o mar começa, partiram os navegadores à conquista do Mundo.

Mais informações: http://www.visitportimao.com/